Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

isto também é amor...

Através da minha arte, dos meus pensamentos, das minhas opiniões e sugestões, vou aqui provar que existem várias formas de amar e todas elas são válidas...

encontra-me no instagram...

Durante anos, sempre tentei manter uma relação muito afastada com as redes sociais tipo Twitter, Facebook e até mesmo com o Instagram. No entanto, de há uns tempos para cá, tem havido algumas mudanças. Se pensar no Twitter e no Facebook, continuo na mesma a manter uma certa distância, mas percebi agora que gosto imenso do Instagram e para falar a verdade, é mesmo lá que tenho estado por muito mais tempo. Cheguei à conclusão de que aquela é uma excelente plataforma para apresentar em primeira mão, os trabalhos que faço e é lá mesmo, que tenho publicado coisas inéditas, que ainda não tiveram a oportunidade de passarem por este blog. Por isso, se tens apreciado o meu género de trabalho/ilustrações e gostavas de seguir mais atentamente a minha ‘arte’, aqui fica o convite: Não hesites e começa desde já a seguir-me pelo Instagram. Vou adorar saber que também andas por lá…

 

Screenshot_20180121-111213.png

Screenshot_20180121-111302.png

Screenshot_20180121-111325.png

Screenshot_20180121-111328.png

 

Espero que venhas a gostar da minha conta do Instagram (@istotambemeamor) e claro, todos os comentários serão sempre bem vindos. Entretanto, tentarei dar mais atenção a este blog, se bem que, infelizmente estou numa fase em que não me tem apetecido muito escrever, falar sobre mim ou sobre outra coisa qualquer. Pode ser que essa fase seja apenas passageira.

serei eu, deste mundo?

Quando por uma estranha razão, falo de mim para outras pessoas, fico sempre com aquela sensação de que às pessoas ficam a pensar o seguinte:

 

Este tipo não é deste mundo...

 

Pois é! Eu próprio às vezes penso que não sou desse mundo mas a verdade é que sou! Só me recuso é a ser igual a tantas outras pessoas e por isso, faço questão de ter a minha própria identidade. Não me sinto na obrigação de gostar de algo, só porque meio mundo gosta. Nem de comer algo, só porque meio mundo come. De vestir algo, só porque meio mundo veste e diz que está na moda. Enfim... Eu sou deste mundo! Sou é um pouco diferente. E por vezes essa diferença salta à vista e de que maneira...

 

 

as desvantagens de usar óculos

Nos dias que correm, usar óculos parece que está na moda. Pelo menos é essa a sensação que eu tenho. Se há uns anos atrás, usar óculos era motivo para ser vítima de bullying, hoje em dia isso já não é bem assim. Os óculos viraram um acessório de moda e sejam eles graduados ou não, muitas são as pessoas que não dispensam esse acessório nas suas vidas. Acessório esse, que na minha opinião, torna as pessoas mais bonitas.

 

02_Homem-de-óculos.jpg

 

Eu sempre fui um grande fã de óculos! Actualmente e desde o passado mês de Outubro do ano passado, eu estou a usar óculos. Não por uma questão de moda, mas sim porque eu já não andava a ver mesmo nada. A sério! Agora que uso óculos e vejo tudo mais nítido, nem sei como é que aguentei durante tanto tempo sem ver nada. A ver tudo desfocado e sem graça. A graduação não é alta, mas para quem trabalha muito com o computador como eu, os óculos têm dado um jeitaço que nem imaginam mas... de há uns tempos para cá, tenho dado conta das muitas desvantagens que existem ao ter os óculos no rosto.

 

Uma das principais desvantagens que tenho verificado, é o facto de ter que estar sempre a limpá-lo. Agora mesmo, vou fazer uma pausa neste texto para os limpar, já que estão todos sujos...

 

Pois é! Quem me conhece, sabe que ao longo dos 365 dias do ano, eu sofro de alergias. Dizem que eu estou sempre constipado e com lenços atrás de mim, mas a verdade é que são alergias que fazem com que eu não pare de espirrar e de assoar o nariz. Pois bem! Descobri que espirrar e assoar o nariz, são duas coisas que não são compatíveis com os óculos. E é nojento dizer, mas muitas vezes, quando assoo o nariz, fico com os óculos todos cheios de ranhoca, enfim...

 

A chuva também não é compatível com os óculos. Meu Deus! Como é que conseguem andar pela rua, com os óculos todos salpicados de água? Não dá! Comigo não dá mesmo e por isso, quando estou pela rua à chuva, os óculos ficam guardados na mala.

 

Comichão pelos olhos?! O melhor mesmo é não ter, pois assim que me dá uma comichão, toca a levar o dedo ao olho e aonde é que o dedo vai parar? Pois é! Vai direto à lente, sujando-a mais uma vez.

 

E para quem gosta de cozinhar, que é o meu caso, acham que é compatível cozinhar e usar óculos ao mesmo tempo? Não! Não dá! Qualquer vapor, deixa-me completamente no meio de um intenso nevoeiro. O mesmo acontece quando estou a tomar uma caneca de chá bem quente, ou a beber um IceTea bem geladinho. Ai! Ai! Ai!

 

E agora eu pergunto: será que com vocês esse tipo de coisas também acontece? Tu que usas óculos, passas por mais alguma outra desvantagem por usá-lo? Conta-me coisas...

eu fui ver... a montanha entre nós

A Montanha Entre Nós.jpg

 

E sem sombra de dúvidas, no que diz respeito ao cinema, o ano começou da melhor maneira possível. Depois do grande musical que assisti logo no primeiro dia do ano, agora foi a vez de assistir a um grande romance, que lamechas como eu sou, conseguiu logo fazer-me chorar.

"'A Montanha Entre Nós" é um filme que na minha opinião tu não podes deixar escapar. Infelizmente já são poucas as salas a exibir o filme, mas se gostas de romances, se adoras a Kate Winslet, como eu adoro! Se a cada filme que passa mais admiração tens pelo actor Idris Elba, e se és apaixonado por cães, então sim! Este filme é para ti e tenho a certeza que vais adorar. O enredo, apesar de um pouco exagerado e pouco credível, é muito interessante e o par de protagonistas parecem que foram feitos um para o outro. Há química entre eles e isso fez com que eu ficasse de imediato fascinado pela história dos dois personagens. E entre momentos de aflição, de alguns pulos na cadeira, de momentos animados e outros muito tristes, este filme já tem o prazer de ter um lugarzinho reservado no meu coração. Adorei!

Espero agora, que os próximos filmes que vá ver ao cinema, sejam tão bons quanto esses dois que já vi e... Meu Deus! Este ano vai estrear tantos filmes que eu quero ver, que não sei se vai haver carteira para tudo isso.

 

(P.S. - Para acompanhar este post, quis ter um poster alternativo do filme, arte essa criada por mim. Espero que gostem!!)

Pág. 1/2